Aquecendo para a Expo2012: Ozielzinho

Ozielzinho nasceu em uma família de músicos, onde aos 9 anos teve seu primeiro contato com a música.Graças a internet conquistou reconhecimento nacional e internacional, chegando a ser finalista do concurso mundial de guitarras ocorrido na Inglaterra, o Guitar Idol, e ser eleito o melhor guitarrista do ano de 2006 pela revista Seleções.

Tocou ao lado de grandes nomes da guitarra nacional, como Kiko Loureiro, Joe Moghrabi, Frank Solari, Sydnei Carvalho, Marcelo Barbosa.

Em entrevista ao programa Stay Heavy, o guitarrista Rafael Bittencourt teceu elogios aos talentos musicais de Ozielzinho. Também tocou com a banda Alttar. Atualmente realiza workshops por todo o Brasil.

Vamos conhecer um pouco mais sobre esse grande guitarrista:

F. Amorim: Você obteve bastante reconhecimento através da internet e acredito que uma das coisas que ajudou bastante foi a gravação da música do jogo Top Gear, que tem mais de 400.000 visualizações! Depois desse vídeo, você gravou tambem o tema do Jaspion, Changeman. Pensa em lançar algum projeto com esses temas? E gostaria de ser chamado para fazer a trilha de algum jogo ou desenho?

Oziel: Primeiramente gostaria de agradecer pelo convite, para mim é um honra! Bem, o reconhecimento na internet foi uma soma de vários itens e acredito que o principal deles foi a gravação da vinheta do site CifraClub, juntamente com minhas participações no Guitar Battle. Teve também o comentário que o grande Rafael Bittencourt fez a minha pessoa. Isso repercutiu bastante e foi outro “up”.

Já nos vídeos do Youtube, foi o tema do clássico jogo do Super Nintendo Top Gear que rendeu milhares de visualizações. Tudo isso faz com que meu trabalho na internet vá se consolidando cada vez mais.

F. Amorim: Você é um músico que se envolve em várias áreas como edição de vídeos, gravações em estúdio e tem diversas vídeo-aulas em que fez todo o processo. Acredita que hoje em dia quem se preocupa em aprender sobre essas outras áreas acaba saindo na frente de outros músicos?

Oziel: Sempre fui bastante curioso com as coisas e sempre gostei de saber de tudo um pouco. Acredito que ajuda bastante, pois você ganha mais tempo e não depende de ninguém para preparar o material, seja um vídeo para Youtube ou um playback de um cover que quer tocar.

F. Amorim: Como aprendeu essas técnicas de edição, gravação e ainda toca tão bem a guitarra? É autodidata ou teve aulas?

Oziel: Edição de vídeo não é um bicho de sete cabeças, apenas ter bom senso na edição. Quanto aos comandos, são simples principalmente quando se usa o Sony Vegas, onde a edição é rapida e simples.

Na guitarra, só tive como professor inicial o meu irmão mais velho, que me ensinou as formações de acordes e os ritmos. As técnicas de solo como escalas maiores, menores, pentas, blue notes etc, aprendi em um método do guitarrista Ricardo Carreras (da antiga banda Kadoshi). Este método foi a base de tudo até hoje. Nunca tive um professor de guitarra fixo, aprendia uns truques com uns e outros e ia me virando e tirando solos de ouvido. Não sei se posso dizer que sou autodidata porque tive meu irmão no início e o Ricardo através do método.

F. Amorim: Uma novidade que você postou em seu Facebook e no Youtube, foi sua experiência em fazer um captador igual ao famoso Fernandes Sustainer, usado por grandes guitarristas, como Steve Vai. Como surgiu a vontade de encarar essa empreitada? Pelo vídeo que você colocou, o resultado ficou muito bom!

Oziel: Bem, como disse, sou um cara muito curioso, e o lance do sustainer partiu da vontade de ter o mesmo (original é claro), mas além de custar caro, é um pouco difícil de encontrar.

Resolvi procurar como funciona o sistema do sustainer. O projeto ainda está no início e o vídeo que divulguei foi apenas o primeiro passo.

O circuito que fiz ainda está muito fraco e não sustenta determinadas notas. Mas vou continuar tentando até chegar na medida do aceitável.

F. Amorim: Recentemente fechou uma parceria com as guitarras Seizi e agora tem seu jogo de cordas signature da NIG. Quais são as marcas que te apoiam?

Oziel: Com a NIG, agora tenho um encordoamento signature com bordões personalizados. É um encordoamento 0.9, com a 5ª corda 0.34″ e a 6ª corda 0.44″.

Uso cabos Santo Ângelo e vale ressaltar que uso esses cabos e cordas NIG 0.9 muito antes de me tornar endorser.

A Quanta Store me apoia em equipamentos de estúdio, como monitores de referência, teclado controlador e interface de áudio.

Recentemente fechei parceria com a Royal Music, agora estou usando guitarras Seizi (em breve uma signature), pedaleiras Zoom e amplificadores Orange.

CRONOGRAMA Ozielzinho EXPOMUSIC 2012:

 Conheça mais sobre o trabalho de Ozielzinho na internet:

Site: http://www.ozielzinho.com.br/
Facebook – http://www.facebook.com/ozielzinhofficial
Twitter – http://twitter.com/ozielzinho

 

Pauleira Guitars: Ozielzinho, parabens pelo seu trabalho e muito obrigada pela participação em nosso blog! Muito sucesso e nos vemos na Expo!

E aqui encerra-se nossa série de entrevistas: Aquecendo para a Expo2012. Vejo vocês lá!

2 thoughts on “Aquecendo para a Expo2012: Ozielzinho

  1. Eninho Malaço

    Essa materia foi muito bacana- pra tb eu aproveitar e mostrar meu trabalho acesse e de uma sacada-obg

Deixe uma resposta

This is a demo store for testing purposes — no orders shall be fulfilled. Dispensar